Archive for setembro \21\UTC 2013

Eslavino

21/09/2013

vinhos

Uma novidade da Eslovênia no Brasil. Agora temos os nossos vinhos sendo importados pela Eslavino Importadora de Bebidas e Alimentos LTDA. Iniciada em 2011 por dois jovens irmãos e uma história de amor, a Eslavino tem um perfil inovador e corajoso. Olha que interessante a história de como surgiu a idéia. Rafael, brasileiro, conheceu Nina, eslovena, em um intercâmbio na Alemanha, pouco tempo depois eles já estavam morando juntos em Ljublijana, algo completamente novo para ambos. Nas visitas ao Brasil, o casal presenteava Luiz Francisco (irmão de Rafael que na época fazia curso de sommeliere) com vinhos. Encantado com a nova descoberta, vinhos com muito corpo, aromas e identidade forte, os irmãos perceberam que não haviam vinhos dessa nacionalidade para vender nas lojas e adegas brasileiras, e assim, notaram uma oportunidade de negócio, um nicho no mercado que ainda não estava explorado. Através de pesquisas de mercado, consulta a especialistas e amigos notaram que era viável a importação dos rótulos. Assim começou um longo trabalho, visita a produtores, degustações e enfim a difícil escolha. Quais rótulos trazer: Aqui estão eles, para toda a comunidade brasileira apreciar.

PRODUTORES e VINHOS

– Produtor Edi Simčič –

Muitos críticos renomados o consideram como o melhor produtor Esloveno, pois diferente dos vários vinhos envelhecidos em inox, até os vinhos brancos de Simčič são fermentados e envelhecidos por longos períodos no carvalho. A propriedade está localizada em Goriška Brda, região que pertencia à Itália até o final da segunda guerra mundial. Atualmente Simčič está apenas a 500 metros da fronteira Friulana, região que possui  solo rico em sais minerais, dando uma característica especial aos vinhos. A vinicola esta na sua terceira e quarta geração de viticultores. Edi Simčič e seu filho Aleks  comandam hoje todo o processo de viticultura vinicultura.

Triton – Com duas variedades locais e uma internacional, o Triton Lex 2007 é um equilíbrio harmônico entre Chardonnay, Souvignon Blanc e Rebula, conhecida na Itália como Ribolla Gialla. Isso traz ao vinho um grande potencial de envelhecimento. O bouquet é riquíssimo e muitas camadas de aromas são abertas a cada momento. Mel, pinhas, manteiga, jasmins, camomila, ervas frescas e frutas amarelas, sobre um fundo discretamente amadeirado que vem de sua passagem de quatorze meses pelas barricas de carvalho francês.

– Produtor Marof –

Marof existe desde 1905, Localizada próxima da convergência entre Eslovênia, Áustria e Hungria, as colheitas de Marof vêm oferecendo personalidades fortes. Atualmente, um dos mais modernos produtores eslovenos inclui em  seu processo de vinificação equipamentos de alta tecnologia em um ambiente moderno alinhado com a natureza. A adega de vinhos é projetada com paredes de concreto bruto, madeira e aço inoxidável, um ambiente perfeito para maduração de vinhos de alta qualidade.

Silvanec – Um vinho seco com médio corpo que serve de palco para muito sabor de frutas maduras e frutas cítricas com a acidez equilibrada pela untuosidade de sua textura além de toques minerais provenientes do solo vulcânico.

– Produtor Verus –

Danilo, Božidar e Rajko, três amigos e viticultores trabalharam juntos na maior empresa de vinhos da Eslovenia – e juntos decidiram sair para criar Verus com o objetivo de torna-la a verdadeira expressão do que é um dos maiores terroirs de brancos do mundo. Verus foi fundada em 2007, quando também ocorreu a primeira colheita. Os vinhos de Verus são uma verdadeira expressão da qualidade dos vinhos brancos eslovenos.

Verus Furmint – A cor é um lívido limão esverdeado brilhante, já preparando expectativas para a vivacidade nos aromas e no paladar. Na boca é seco e traz uma surpreendente textura oleosa, balanceando perfeitamente a acidez, a mineralidade e as frescas notas cítricas

– Produtor Movia –

Movia vem produzindo vinhos a mais de três séculos. Adquirida pela família Kristančič em 1820, a vinícola passou recentemente de Mirko a Aleš, seu filho mais novo. Aleš, segue uma vertente histórica e mais radical de vinicultura, que inclui o envelhecimento de vinhos brancos em exclusivos barris de carvalho esloveno de 600 litros ou barricas tradicionais eslovenas, deixando-os com as borras sem misturar por mais de dois anos. Sua visão dos tintos não é menos romântica, sendo cada um tratado de acordo com sua característica. O período de envelhecimento dos tintos é de três a sete anos. A filtragem nunca é efetuada e os procedimentos de afinamento são governados pela pressão atmosférica oriunda da lua nova, marca de um dos seus vinhos. Essa filosofia de vinicultura constitui uma percepção de produção completamente natural e alinhada com a natureza, característica marcante nos vinhos Movia. Estudantes e viticultores do mundo todo estudam suas técnicas, e muitos o visitam para observar e aprender de perto.

Modri Pinot – Cultivado em vinhedos cortados pela fronteira entre a Itália e a Eslovênia, na região de Brda, conhecida por sua similaridade de terroirs com a Borgonha. e vinificação bio-dinâmica, é colhido tardiamente garantindo às uvas uma excelente concentração de sabores e transportado para a fermentação em até no máximo duas horas. Esta é feita por leveduras naturais obtidas de uvas pré-colhidas das mesmas vinhas. erminada esta etapa, após as cascas naturalmente haverem decantado e limpado o vinho, ele passa então por 4 anos em barricas de carvalho francês, onde lentamente se completa ainda sobre as cascas da uva a fermentação secundária. Sem adição alguma de qualquer tipo de conservante, sem filtragem ou qualquer outro processo de limpeza, este vinho completa então, quase que por si só, o seu ciclo natural e está preparado para consumo ou para um grande período de guarda. O resultado é um vinho complexo, elegante e expressivo.

vin-slo

Vinhos na Eslovênia

A tradição viticultora eslovena vem de tempos imemoráveis. Vinhos são produzidos ali desde antes do império romano. Na cidade de Maribor, em frente a o que foi outrora a associação de viticultores e hoje museu de viticultura, encontra-se a vinha mais antiga do mundo, com mais de 400 anos.

Vinhos são produzidos em quase toda a Eslovênia. No entanto, as regiões que estão os produtores que a Eslavino representa são:

  • Podravska e Prekmurje. (Marof e Verus)
  • Goriška Brda. (Edi Simčič e Movia)

www.eslavino.com.br

Anúncios

Poeta esloveno Tomaž Šalamun vem pela primeira vez ao Brasil

09/09/2013

poesia

A Embaixada da Eslovênia tem a honra de informar que o famoso poeta esloveno Tomaž Šalamun vem pela primeira vez ao Brasil, a convite do Festival Artes Vertentes, com o apoio da Embaixada da República da Eslovênia.

O poeta fará sua primeira leitura no Brasil durante o lançamento do número impresso da revista Modo de Usar & Co., no Rio de Janeiro, no dia 10 de setembro de 2013 às 19:30 no “Oi Futuro” de Ipanema.

Em seguida, o poeta esloveno terá uma participação na mesa redonda e no sarau literário no Festival Artes Vertentes, que ocorrerá em Tiradentes, Minas Gerais, entre os dias 12 e 22 de setembro de 2013.

A Embaixada convida a todos para desfrutar desta apresentação única da Literatura eslovena!

Mais informaçőes no site da Embaixada